domingo, março 18, 2007

OPTIMAS NOTICIAS

segundo li no blog do José MIlhazes (http://www.darussia.blogspot.com/) os visas para visitar a Rússia baixaram de preço!!! URRAY
Como devem saber, eu quero muito ir à Rússia, afinal, não sei quando voltarei a estar tão perto desse país desconhecido! O problema é que quando me fui informar sobre o preço ds visas fiquei negativamente surpreendida. Foi-me dito pela mulher da agência de viagens que o preço dos visas turísticos dependia do tipo de relações políticas e económicas que a Rússia mantém com o país de origem do visitante. Ou seja, visa para turcos custava 500 kroons (30 euros), para os alemães 1200 kroons (72 euros), para franceses, italianos e espanhóis 1400 kroons (84 euros) e para tugas e gregos 1500 kroons (100 euros). Apesar da mulher não me inspirar confiança nenhuma, acreditando no que ela me disse, fiquei bem fodida! Mas hoje ao darussia.blogsot.com alegrei-me de novo.
Aqui fica a transcrição do artigo de José Milhazes:

"BOAS NOTÍCIAS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
O Presidente russo, Vladimir Putin, assinou hoje (10 Março) a lei “Da ratificação do Acordo entre a Federação da Rússia e a União Europeia sobre a facilitação da concessão de vistos aos cidadãos da FR e da UE”.

A vigência do documento abrange a concessão de vistos até três meses, bem como vistos múltiplos para “determinadas categorias de cidadãos”.

A lei foi assinada a 25 de Maio de 2006, aprovada pela Duma Estatal (Câmara Baixa) do Parlamento russo a 14 de Fevereiro de 2007 e confirmada pelo Conselho da Federação (Câmara Alta) a 21 do mesmo mês. O Parlamento Europeu ratificou-a a 19 de Fevereiro.

Segundo esta lei, serão abrangidos pelo processo simplificado de concessão de vistos múltiplos homens de negócios, jornalistas, motoristas, pessoas ligadas à cultura, ciência e educação, alunos, desportistas, bem como parentes próximos de cidadãos russos: “maridos e esposas, filhos (nomeadamente adoptivos), pais, avôs e avós, netos”.

Além disso, os maridos e esposas, bem como filhos de cidadãos da Rússia poderão obter vistos múltiplos válidos até cinco anos.

O documento assinado por Vladimir Putin fixa também o preço dos vistos: 35 euros por um visto normal e 70 se for pedido com urgência. Até agora, os consulados russos cobravam 100 e 300 euros respectivamente.

O visto de entrada em Portugal para os russos custa, presentemente, cerca de 30 euros.

Ficarão isentos do pagamento do visto parentes próximos de cidadãos da Rússia, estudantes, pós-graduados, estagiários, cientistas, actores e outras pessoas ligadas à ultura, ciências, bem como inválidos e membros de delegações oficiais.

Os viagens com passaporte diplomático deixarão de necessitar de visto para entrar na Rússia.

O acordo compromete também a Rússia a tomar medidas rápidas com vista a facilitar o processo de registo durante a estadia de estrangeiros em território russo. Actualmente, se um estrangeiro vier visitar Moscovo durante uma semana e não ficar instalado num hotel, perderá pelo menos dois dias para se registar na polícia.

Normas análogas irão regular a entrada de cidadãos russos nos países da União Europeia.

Esperemos que estas boas intenções não sejam travadas ou morram mesmo nas teias da burocracia russa."

ALEGRIA ALEGRIA!! RÚSSIA, aí vou eu!

2 comentários:

Lampimampi disse...

iupiiiiiiiiiiiii
os precos tao mais baixos e os vistos demoram menos tempo!!!!!!!!!
=)

Mexicano em horky disse...

Ena pá, grande moca.... :P