segunda-feira, janeiro 22, 2007

hoje tao - 13 graus centigrados...

começou a nevar na sexta feira à tarde e hoje (segunda 12h38) ainda não parou...a temperatura desceu vertiginosamente: na sexta estavam menos dois, ontem menos 6 e hoje menos 13... Mas o que me preocupou foi quando ontem o brasuca me disse: "Si prepara que issa daí é nada não!" Que medo!!!

No domingo encontrei mais um café super catita, no centro da cidade, que passa bossa nova, tem net à pala e uns sofás muito confortáveis. É bom porque até as empregadas falam inglês, o que facilita muito a coisa!! Bem, peço um café (do tamanho de uma meia de leite...) e uma baguete de salmão (enchido), para começar bem o dia. Tudo bem, super bom aspecto, quentinha!
à primeria trinca sinto um sabor a ketchup, olho, mas não tinha nada lá dentro... só uma cena estranha que me levou mais duas ou três trincas a perceber o que era... Alho francês, em pickle!!! Eu odeio pickles, mas este sabia a ketchup... Bem, mas umas trincas mais e saquei-o para fora... que nojo!!

enfim, o Half Estonian, Half Polish, David, juntou-se a mim para um cházinho e dois dedos de conversa! Muito simpático o rapaz. Tem mania que é revolucionário... mas, enfim... quem não gostaría mesmo de o ser?? É songwriter e pudemos falar um pouco de música do mundo, muito bom! O mais parecido com música portuguesa que ele conhece é João Gilberto, o que já não é mau de todo!! =P Como todos os estonos, David tem uma expressão muito séria. Mas lá o faço rir algumas vezes... a Certa altura fica muito sério a olhar para mim... "What?", pergunto eu... "Nothing... It's just that you are so peacefull", diz-me ele!!! a minha gargalhada deve se ter ouvido em toda a cidade velha... Durante a praxe também houve um doutor (Cortes) que me disse que eu era muito tímida... enfim! Só me dá mesmo para rir!!

agora umas belas fotos:

esta é a vista do meu quarto em casa da Maia


mais uma arquitectura curiosa... a mim parecem-me casa de praia no meio da neve...


o bocadito de floresta que tenho que atravessar ara chegar à paragem de autocarro


o mesmo bocadito de floresta, visto da paragem... é fofo!

3 comentários:

Ze_Porvinho disse...

E que tal, em vez de café com baguete de salmão com alho françês em pickle que sabe a ketchup, utilizares o velho slogan português adaptado à realidade dos toinos?

Sugiro: Diga bom dia com... Black Balsamic! E pode ser on the rocks, para quebrar o gelo das primeiras impressões... (estou a teclar de cobertor, só por ver as fotos, e encostado ao aquecedor que, nem sei bem por que motivo, acabo de ligar no máximo!)

Hic Hic Hurra

Ernesto disse...

Ta mesmo muito frio, não é?
Gostei muito das fotos. Tens que me enviar alguma. Nunca tão ao leste viajei e tenho vontade de conhecer. Se tenho boa fortuna em junho irei a Riga.
Beijos

Mexicano em horky disse...

sim senhora, muita gandaia e fala-se portugues e tudo...
timida... ah ah ah ah!!!
esses gajos andam com uma leitura bde jogo muito má...